quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

1

{Book Tour} Resenha: Twenty Boy Summer

 

twenty boys

Livro: Twenty Boy Summer

Autora: Sarah Ockler

Editora: Little, Brown Books

Nota: 3,5 estrelas

Anna e Frankie estão preparadas para fazer esse verão inesquecível, após um ano conturbado pela perda do irmão de Frankie ( e namorado secreto de Anne), Matt, elas vão passar o verão na Califórnia, aproveitando as praias e os meninos. Anna ainda pensa muito em Matt, mas Frankie que se tornou bem mais 'saidinha' desde a morte do irmão, quer aproveitar outras coisa da Califórnia, os gatinhos sarados.


Por isso ela cria, a Twenty Boy Summer: a meta é conhecer 20 meninos durante o um mês de férias. Mas muitas coisas estão no caminho dessas duas, além dos 20 meninos aleatórios, elas terão que confrontar todas as emoções que ainda estão latentes referentes a morte de Matt.


Anna ainda tem que conseguir lidar com as emoções opostas, como seguir em frente e se deixar apaixonar por um dos rapazes, ou ficar no passado com Matt.


Já faz algum tempo desde que eu não lia muitos livros adolescentes. Quer dizer, eu leio muitos livros adolescentes, mas a maioria é sobre romances sobrenaturais, e não focam nos 'adolescentes' e sim no amor, nas estórias de triângulos amorosos, e em muitos a personagem principal se auto excluí da turma dos adolescentes, elas são muito crescidas e tem 'problemas de verdade' para se preocupar.


Nesse mês tive a alegria de ler dois romances YA que focam realmente nos problemas dos YA. O primeiro foi o Soul Love , e agora o incrível Twenty Boy Summer.


É impressionante, como a autora conseguiu reunir tantos sentimentos contraditórios dentro de livro só. Mas não se assuste, contraditórios no bom sentido. Seguindo o drama da estória e os altos e baixos dos personagens, principalmente focando na amizade Anna e Frankie (e no grande segredo e perda que fica rodando as duas) e que acaba as afastando, ao invés de uni-las ainda mais.

Em alguns momentos, dá muita raiva de Frankie, afinal algumas das suas ações são coisas inconseqüentes, que realmente magoam Anna, e isso, me desculpe, não é atitude de uma amiga, mas logo após você se lembra que ela perdeu o amigo e irmão, e que toda a vida está uma bagunça, então a raiva diminui. Uma gangorra de emoções.


Gostei principalmente de como a estória consegue ser emocionante , mas sem cair no comum ou ser piegas. Estamos falando de um acidente fatal, e levando em conta que a autora já eliminou um dos mocinhos da brincadeira logo no começo, mas é esse evento que dita todos os acontecimentos do restante do livro, por isso enxugue as lágrimas e continue a leitura.


Além disso, a autora trabalha com a superação da perda, não com a dor da perda em si, se passa 12 meses para a real ação do livro, e ali vemos que Anna e Frankie, assim como os pais dele, ainda não superaram completamente a perda. Ainda há pontos, como a casa de verão, que não foram explorados, após essa mudança trágica da família, e para Anna a superação ainda tem que seguir alguns passos,já que ela nunca mais beijou garoto algum depois dele.


E é nesse ponto, que Sarah trabalha muito bem, expondo as dificuldade que as pessoas enfrentam, com a perda de um ente querido, e ficam simplesmente com medo de 'perderem' a memória e esquecer da pessoa.


Temos que saber, que é natural cada dia ser uma luta para seguir em frente, mas também não podemos para e deixar tudo para trás, nos apegarmos ao passado, isso só fará com que a dor da perda vai aumentado, junto com a saudade.


Anna, a protagonista, não é perfeita, mas mantém a sua personalidade durante o livro, ela amadurece, se transforma, mas você percebe que a essência continua a mesma. E não dá para sentir pena de Anna, ela é a única que não pode sofrer e chorar, sem que as pessoas não estranhem. Para todos ela perdeu um querido amigo, mas só ela sabe que perdeu o seu primeiro amor.


É um livro tocante, que fala sobre amor, raiva, ódio, amizade e relacionamentos, é um ótimo YA, porque não é um livro feito para um único público, mas principalmente porque Twenty Boy Summer é um livro para todos.

 

Book Tour Twenty Boy Summer

image
A Book Tour de Twenty Boy Summer , foi montada pelo blog Murphy’s Library, um blog cheio de resenhas, que apresenta um diferencial, elas falam dos livros em PT e EN. Além disso, a qualidade das resenhas é acima da média.

Veja todas as resenhas já feitas pelos outros blogs participantes.

  1. Nii, do Faz Parte…Resenha
  2. Mary Paixão, do Muito Pouco CríticaResenha
  3. Juh Oliveto, do Livros & BolinhosResenha
  4. Lívia, do LeiturinhasResenha
  5. Juliana Lucca, do Give us Books
  6. Nosso Blog!
  7. Cláudia, do Livraria Outubro

Obrigado Guta e Maeva, e parabéns pelo excelente blog!

 
ÍndiceSarah Ockler começou a escrever livros com 6 anos, um livro ilustrado baseado no filme de E.T., Steven Spielberg. Ela ficou super animada, e resolveu fazer uma outra estória que foi publicada no jornal da escola elementar. Sarah já tem 2 livros publicados, e tem muito mais no caminho. Fixing Delilah, foi lançado em enquanto Twenty Boy Summer, seu romance de estréia, foi aclamado pela crítica com o YALSA Teens’ Top Ten nominee, entrou na lista da IndieNext, e recebeu uma nomeação para o New Atlantic Independent Booksellers Association Book Award. Brasil.


Fanny Ladeira

Um comentário:

  1. Gostei muito da resenha! A história parece tão emocionante! Fiquei com muita vontade de ler. Vai para a listinha...
    E a capa é muito linda.*-*

    Ah, e comprei a Coleção Mochileiro das Galáxias. Você deve ter gostado muito, por causa do título do blog...

    Beijos

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar!


Agora peça um delicioso prato ao nosso chef, e continue a sua visita pelo O Restaurante do Fim do Universo.

Fanny Ladeira!